PUBLICAÇÕES

NOTÍCIAS
VOLTAR

FacebookTwitterGoogle+ Email

10.01.2018 - 11:04 Por Comunicação Social

AGORA É LEI: MULTA PARA PUBLICIDADE COM CONTEÚDO SEXISTA OU QUE ESTIMULE A VIOLÊNCIA SEXUAL

  • Por LG Soares / Arquivo Alerj
    Deputada Enfermeira Rejane (PC do B).

Empresas que divulgarem campanhas publicitárias nos meios de comunicação consideradas de caráter misógino, sexista ou que estimulem a violência contra a mulher poderão ser multadas e ter a divulgação suspensa. É o que determina a Lei 7.835/18, sancionada pelo governador Luiz Fernando Pezão e publicada no Diário Oficial do Poder Executivo, desta quarta-feira (10/01).

Segundo a norma, as multas serão aplicadas de acordo com o tipo de veículo de mídia usado:

- meios impressos, como jornais e cartazes, 10 mil UFIRs-RJ, aproximadamente R$ 32 mil.

- rádios, multa de 50 mil UFIRs-RJ, aproximadamente R$160 mil.

- televisão, multa de 100 mil UFIRs-RJ, aproximadamente R$ 320 mil.

- mídias sociais, multa de 200 mil UFIRs-RJ, aproximadamente R$ 640 mil.

Pela proposta, os valores das multas poderão ser somados no caso da propaganda ser veiculada através de mais de um tipo de mídia.

O texto de autoria da deputada Enfermeira Rejane (PCdoB), assinado ainda por 39 outros parlamentares, determina também que as pessoas poderão denunciar as propagandas para a secretaria de Estado de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos, que terá uma comissão fiscalizadora para apurar a denúncia no prazo de 60 dias corridos. Os valores recolhidos das multas deverão ser revertidos para o Fundo Especial dos Direitos da Mulher.

A deputada Enfermeira Rejane, presidente da Comissão de Defesa do Direito da Mulher da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), ressalta que é preciso criar ferramentas de combate ao machismo. “É muito comum vermos na mídia empresas utilizando o corpo da mulher para vender seus produtos. Usam de forma sexista, menosprezando a mulher. Esse projeto visa combater essa prática apurando e educando", explica.

FacebookTwitterGoogle+ Email