Quintino Bocaiúva

Quintino Bocaiúva (1836-1912) nasceu na cidade do Rio de Janeiro. Órfão, desde cedo dedicou-se às letras e ao jornalismo. Um dos principais integrantes da campanha republicana, foi o primeiro ministro das Relações Exteriores no novo regime.

Foi eleito senador pelo estado do Rio de Janeiro para a Constituinte Federal de 1891. Renunciou ao cargo logo após a promulgação da Carga. No ano seguinte foi novamente eleito para o Senado, onde permaneceu até o ano de 1900, quando renunciou ao cargo para assumir a governadoria do estado. Exerceu a presidência do estado de 31 de dezembro de 1900 até 1903. Durante seu governo foi promulgada a Lei n° 542, de 4 de agosto de 1902, que determinou a volta da capital para Niterói. Foi novamente conduzido ao Senado em 1909, vindo a falecer três anos depois no cargo de vice-presidente do Senado.


Fontes: FERREIRA, Marieta de Moraes. A república na velha província - oligarquias e crise no estado do Rio de Janeiro (1889-1930). Rio de Janeiro: Rio Fundo Ed., 1989.; LACOMBE, Lourenço Luiz. Os chefes do executivo fluminense. Petrópolis:Vozes, 1973.


[ volta ]  [ sobe ]